Além disso

Como os espargos crescem: regras básicas para o cultivo e cuidados

Como os espargos crescem: regras básicas para o cultivo e cuidados



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Hoje, muitos proprietários se dedicam ao cultivo de vegetais incomuns que podem surpreender os hóspedes. Além disso, o aspargo é um vegetal bastante saudável, apreciado por especialistas. Mas como os espargos crescem? O cultivo dessa planta não deixará nenhum jardineiro indiferente.

Contente:

  • Quando plantar, como preparar bem o solo?
  • Iluminação e rega
  • Quais devem ser os cuidados logo após o plantio?
  • Regras de cultivo e cuidados

Quando plantar, como preparar bem o solo?

Os espargos também são chamados de aspargos. Esta planta resiste ao frio extremo, não requer cuidados especiais. Os espargos são freqüentemente comparados em aparência a uma samambaia. Pode crescer até 1,5 metros de altura. Antes de começar a cultivar esta cultura, você deve começar a preparar o solo. Os espargos precisam de solo fértil, mas também podem se desenvolver em pedras arenosas.

O preparo do solo e o plantio variam dependendo da época em que a cultura é plantada. Isso pode ser feito no início da primavera. Mas o plantio deve ocorrer quando os botões ainda não estão crescendo. Inicialmente, o fertilizante é aplicado no solo. Para isso, o húmus comum é adequado. As raízes da planta devem ser colocadas cuidadosamente em uma trincheira de 30 centímetros de profundidade.

Depois de plantados os aspargos, vale a pena regar. Vale lembrar que com o tempo os arbustos crescem, por isso precisam ser plantados a uma distância de pelo menos 0,3 m. Deve haver cerca de 0,6 m entre as linhas. Em uma palavra, deve haver 3-4 arbustos em uma metro quadrado.

Se o proprietário decidiu plantar no outono, então você precisa se familiarizar com as outras regras. Inicialmente, a área onde os aspargos serão plantados é bem desenterrada, depois são aplicados fertilizantes. Os seguintes componentes devem ser adicionados ao solo:

  • Superfosfato
  • Sulfato de potássio
  • Sulfato de amônia

Se o aspargo for plantado no outono, não será necessário aprofundá-lo muito. Deve haver colinas acima do patamar. Desta forma, o sistema radicular fica protegido do gelo. Deve haver uma certa distância entre cada planta, que foi mencionada acima.

Iluminação e rega

Antes de plantar aspargos, você precisa decidir sobre um local de plantio. Esta deve ser uma área bem iluminada pelo sol, mas não deve haver correntes de ar. O jardim das traseiras é ideal para isso. Os espargos precisam de água adequada.

Vídeo sobre como cuidar de mudas de aspargos:

Regue regularmente em pequenas porções. Mas não inunde as plantas, pois não tolera água estagnada. Mas secar não levará a nada de bom. Em suma, a rega deve ser moderada. Depois disso, você não deve se esquecer de soltar o solo. Este procedimento deve ser realizado pelo menos 7 vezes por temporada.

Quais devem ser os cuidados logo após o plantio?

O mais importante após o plantio é não se esquecer de regar, afrouxar e fertilizar. É necessário afrouxar o solo sistematicamente. Isso deve ser feito da maneira usual. Este procedimento é realizado imediatamente após a rega, pois acelera a absorção da água para o solo. O solo deve estar limpo e sem ervas daninhas. Portanto, assim que eles aparecem, eles são removidos.

Além disso, não se esqueça da alimentação. Jardineiros experientes aconselham uma das melhores técnicas de tratamento de espargos. Para fazer isso, um verbasco é adicionado ao solo, que é criado em água. Para 5 litros de água, é necessário 1 litro desse fertilizante. A quantidade de solução depende do tamanho da cama. Fertilize os canteiros desta forma, após 3 semanas após o plantio.

Após outras 3 semanas, você precisa fazer a próxima alimentação. Mas isso requer outro fertilizante - excrementos de pássaros. Também é diluído em água, que deve ser 10 vezes mais do que as fezes. Antes de se preverem as primeiras geadas, vale a pena fazer o último curativo. Isso requer fertilizantes complexos.

Regras de cultivo e cuidados

Para que os aspargos tenham uma boa colheita, é necessário eliminar sistematicamente as ervas daninhas. Se os brotos forem muito altos, um suporte é instalado para eles. Se o tempo estiver seco, vale a pena aumentar a rega. Os frutos devem ser colhidos em tempo hábil, não devem se quebrar sozinhos. No outono, você precisa podar as hastes que ficaram amarelas.

Isso deve ser feito a uma altura de 3-5 cm acima do solo. O espargo é classificado como uma planta que não tem medo de muitas doenças. Mas, no entanto, há uma série de doenças de que essa cultura sofre. Freqüentemente, é afetado por um fungo perigoso. Ele pode matar a planta em apenas alguns dias. Se os galhos começarem a se desintegrar, isso pode sinalizar a presença de fungos.

Isso se deve ao fato de o rizoma morrer. Para proteger a planta dessa doença, você deve usar o medicamento "Fundazol". Os besouros das folhas dos espargos são muito perigosos. Eles são pequenos besouros pretos.

Suas larvas comem as folhas, o que leva à morte da planta. Eles lutam contra essas pragas com a ajuda de "Fufanon", "Fitoverm" e outras drogas.

Além disso, tome cuidado com as moscas dos espargos. Portanto, o aspargo é uma planta interessante que pode deliciar com frutas saborosas e saudáveis. Mas vale a pena conhecer algumas regras de cultivo.


Assista o vídeo: Pacová Dicas Fáceis e Simples (Agosto 2022).